Informativo nº. 02 –  Junho | 2018


Confira nossas ações no mês de Junho!
Para saber mais sobre nós visite: 
www.apepi.org


Reunião com Ministro da Saúde


No dia 15 de maio Margarete Brito, coordenadora executiva da Apepi, esteve em Brasília,  com outros atores importantes, reunidos com o Ministro da Saúde Sr. Gilberto Occhi. Nessa reunião foi entregue um ofício informando sobre Grupo de Trabalho em andamento na Fiocruz, do qual a Apepi faz parte, com o intuito de que o tema Cannabis Medicinal fosse incluído na agenda do Ministério da Saúde.
Essa reunião teve desdobramentos importantes. No dia  13 de junho, em nova reunião com o Coordenador do GT Cannabis Medicinal da Fiocruz (Hayne Felipe), o secretário executivo do Ministério da Saúde, juntamente com a secretaria de planejamento e orçamento estabeleceram um valor de R$ 3,4 mil para a Fiocruz executar as atividades em dois anos (2018/2019). Saiba mais.


Maconha Medicinal em debate no Senado Federal



Na audiência pública da Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado Federal, articulada pela PBPD junto com a Senadora Marta Suplicy (MDB-SP),  foi debatido o tema “Maconha medicinal: caminhos e alternativas para a legalização”. A senadora Marta Suplicy é a relatora do projeto de lei  514/2017, que insere no texto da Lei 11.343/2006 a permissão do autocultivo para fins medicinais.
Ao longo da audiência foi levantada também a urgência da regulamentação do cultivo associativo e importação de sementes, como demonstrou Margarete Brito, coordenadora da Apepi: “é necessário avançar no debate e construir uma regulamentação que seja, de fato, eficiente, abrangendo o cultivo associativo e o acesso às sementes, enquanto o ato de doar sementes ou mudas de planta ainda for considerado tráfico no país, as possibilidades de acesso aos benefícios medicinais da maconha permanecerão restritas”.
Assista a audiência completa aqui
Assista a matéria sobre o debate aqui


Reunião Mensal da Apepi


Na reunião aberta e mensal de junho foram discutidas as seguintes pautas: 

  • Balanço do evento no Museu do Amanhã;
  • A necessidade de haver uma maior informação técnica sobre os óleos e o cultivo;
  • Para que a Sede ocorra com senso de coletividade a construção conjunta é fundamental. 
  • Uma breve dinâmica (BMC) de planejamento, sobre que serviços a casa Apepi deveria oferecer, parcerias, financiamento, etc
  • Um “evento de rua” para chamar a atenção da população quanto aos usos da maconha medicinal, e divulgar a campanha amigos da Apepi. Foi discutido que a posição de mãe legitima e sensibiliza esse tipo de evento, podendo torná-lo em um ato político.


Audiência Pública na Alerj


A APEPI esteve presente no Fórum “Cannabis Medicinal e Educação”, organizado pela Frente Parlamentar em Defesa da Reforma Psiquiátrica, que ocorreu na ALERJ no dia 08 de junho.
O evento teve como objetivo trazer para o debate os usos de cannabis  e a interface da educação, buscando contemplar a luta de famílias e crianças no estado do Rio de Janeiro e apresentar as atuais possibilidades terapêuticas.

Sem censura debate Maconha medicinal


 
O programa Sem Censura, da TV Brasil do dia 08 de junho teve como tema o uso medicinal de maconha. Os convidados Hayne Felipe da Silva, farmacêutico e pesquisador da FIOCRUZ, e Margarete Brito, coordenadora executiva da APEPI, falaram sobre os benefícios medicinais da planta e os percalços para a regulamentação no Brasil. Clique aqui para assistir ao programa.

Prêmio Lions Humanitário 2018


Na noite do dia 11 de junho, a coordenadora executiva da APEPI, Margarete Brito, recebeu da Associação Internacional de Lions Clubs o Prêmio Lions Humanitário, “em reconhecimento ao seu relevante trabalho na área de apoio e pesquisa a pacientes que necessitam de tratamento com canabis medicinal”.  A categoria Humanitária abrange atitudes de solidariedade, fraternidade e amor ao próximo.
A equipe APEPI agradece ao Lions Club pela homenagem e reconhecimento.
Parabéns à Margarete Brito e a todas as pessoas que fazem parte deste trabalho!

Amigos da APEPI
Notícias sobre a campanha de financiamento permanente



A campanha Amigos da Apepi atingiu sua primeira meta! Agradecemos a todos e todas que contribuiram para tornar possível nosso sonho de ajudar cada dia mais pacientes.Com a primeira meta atingida nós vamos conseguir pagar as despesas básicas da Associação e fazer uma “poupança”  para alugar a CASA APEPI.  Sim! definimos na última reunião que a prioridade é alugar o quanto antes um espaço onde seja possível realizar nossas reuniões, nosso projeto de cultivo, consultas sociais e nossos cursos. Com a CASA APEPI nós daremos um salto de qualidade na profissionalização dos nossos trabalhos. Venha dividir com agente esse sonho e fazer parte dessa história, entre e contribua: www.catarse.me/amigosdaapepi


Clique aqui e nos ajude a transformar a realidade!

Um olhar para o futuro: germinando resultados