Ações

Principais ações da APEPI : 

 

Reuniões de apoio a pacientes e familiares:
Coordena reuniões de familiares e pacientes (Papo Especial), unindo pessoas com situações semelhantes que estão fazendo uso medicinal ou não da maconha. São realizadas algumas dinâmicas, que possibilitam as famílias expor seus casos, desabafarem suas angústias e perceberem que não estão sós. O objetivo é melhorar a qualidade de vida dessas pessoas, já que geralmente essas doenças desestruturam toda a família. Veja nosso último encontro!


Apoio e informação ao uso terapêutico da cannabis

Além da ajuda mútua entre o próprio grupo de pacientes, a Apepi atua como facilitadora entre os pacientes e a Anvisa no processo de importação do medicamento, seja com informações necessárias sobre a documentação e os procedimentos, seja para recorrem à justiça para o custeio do tratamento. Além de algumas informações gerais sobre a cannabis  e indicações de médicos que possam orientar a necessidade ou não do medicamento.


Oficinas de Plantio e de Produção do extrato à base de cannabis para fins terapêuticos:
Existe um fato social negligenciado pelo Estado que consiste em centenas de pessoas que já plantam cannabis para uso medicinal, em desobediência civil. A Apepi em parceria com a faculdade de Farmácia da UFRJ promove oficinas básicas que visam maior segurança a esses pacientes e boas práticas para plantio e higiene na manipulação e formas de plantar e fazer o próprio remédio. Veja nossa última oficina!


Debates, palestras e eventos em Instituições de Pesquisa e de medicina

São realizados debates e palestras em instituições públicas e privadas. A ideia é intensificar e avançar no tema com o objetivo de divulgar informações e estimular atuais e futuros pesquisadores.


Debates, palestras e eventos com a sociedade em geral

Realizados eventos, como na Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (EMERJ),  mais voltado para á aérea jurídica e participação e apoio á Audiência pública na Alerj com a finalidade de rever a legislação para modificar a atual regulamentação.

 

Mostra dos filme Ilegal e Estado de Necessidade (curta) com espaço para Discussão
A Apepi exibe o Filme Ilegal e o curta Estado de necessidade, para mobilizar e sensibilizar o público sobre a necessidade e a urgência das famílias que necessitam remédios á base de maconha, abrindo uma discussão e um questionamento acerca da proibição e necessidade de mudanças da atual legislação. Já foram feitas exibições em vários lugares, como Praça São Salvador,  Ibirapuera e recentemente no Equador.

 

Apoio e parceria á pesquisa
Um dos objetivos prioritários da Apepi é a busca por pesquisas que possam maximizar o uso de remédios a base de cannabis. Para isso é fundamental que universidades, institutos e centros de pesquisas dialoguem com paciente e médicos. A Apepi facilita esse encontro, articulando pacientes e dados e buscando junto à sociedade civil recursos para a pesquisa, saiba mais.

 
Análise da dosagem dos óleos (Projeto Farmacannabis)

A necessidade de padronização dos óleos artesanais e da verificação dos óleos importados, levou o Laboratório de Farmácia da Profª. Virginia Carvalho, com o apoio da Apepi a realizar um financiamento coletivo  e assim viabilizar a análise dos canabinóides (CBD/THC) dos óleos já utilizados por centenas de pacientes. A captação superou as expectativas em 130%. Os primeiros resultados serão apresentados no segundo semestre de 2017.


Mobilização junto aos órgão competentes pela produção nacional de remédios a base de maconha e pelo o auto cultivo

Criamos um canal e aprofundamento de diálogo junto a ANVISA, com a Procuradoria Federal da República, com a comissão de direitos Humanos, tanto em nível estadual e federal.


Organiza e participa de eventos mobilização pública

Em 2014 a Apepi foi um ator fundamental na organização de uma ala medicinal na Marcha da Maconha (Maio); da mobilização de pacientes para o Dia Nacional da maconha Medicinal (novembro); da mobilização sobre as doenças Raras (março) e do Purple Day – Dia de consciência da Epilepsia (Abril), entre outros.


Articula e apoia iniciativas de produção de medicamentos à base de cannabis

A APEPI desde 2015 participa de um Grupo de Trabalho na Fiocruz,  com a finalidade de avançar em testes clínicos para que seja possível a produção de um produto nacional pela Far-Manguinhos e a distribuição pelo SUS.


A
rticula Redes e ações conjuntas com associações e instituições pró – Cannabis medicinal
A APEPI  juntamente com outros movimentos sociais e trabalha e articula ações políticas em prol da regulamentação da cannabis no Brasil perante à Anvisa.

 

Articula Redes para ações conjuntas América Latina
A APEPI  tem uma rede virtual de participação e articulação com movimentos sociais na América Latina em prol da Cannabis com fins terapêuticos


Presença na internet e mídias sociais

A utilização de canais na internet como facebook e site são fundamentais para divulgação de informação,  mobilização e articulação. A APEPI já conta com um site e uma página dinâmica e pró ativa no facebook,  Whatsapp.


Mapeamento das Iniciativas brasileiras e das Organizações e associações de pacientes de Cannabis medicinal

A Apepi tem projeto para mapear diversas organizações, associações, instituições e até empresas envolvidas no tema da cannabis com fins terapêuticos. Conhecer quem são, quais seus objetivos e ações para que seja possível conhecer todos os trabalhos existentes e aprofundar os diálogos, interfaces e experiências, para possíveis parcerias estratégicas, fundamental para reverberar  e fortalecer o movimento e a luta.

http://apepi.org/wp-content/uploads/2017/07/janela_modal.jpg